Post Tagged with: "Amon Amarth"

by / on April 26, 2016 at 8:22 am / in MegalomaniaCast

MegalomaniaCast 50 – Amon Amarth, Borknagar e Moonsorrow

Saudações megalomaníacos! No episódio de hoje os participantes Aloysio França, Marcelo Andere e Diego Oliveira fazem uma resenha tripla sobre os novos álbuns do AMON AMARTH, BORKNAGAR E MOONSORROW, respectivamente “Jomsviking”, “Winter Thrice” e “Jumalten Aika”. É um programa inteiro na Escandinávia, pra ver se a temperatura abaixa um pouco. Tá vendo o streaming bem aqui em baixo?? É só […]

Play
Read more ›
by / on December 4, 2013 at 8:17 pm / in Notícias

Gravadora libera DVDS do Amon Amarth, Cannibal Corpse, Six Feet Under e muito mais

A Metal Blade Records disponibilizou em seu canal no Youtube alguns DVDS de seu acervo na integra e gratuitos para streaming.  Como não é possível saber por quanto tempo ficarão por lá é bom aproveitar. Segue abaixo a relação de algumas coisas que achei por lá, não olhei tudo então é possível que ainda tenha mais coisa boa escondida por […]

Read more ›
by / on September 18, 2013 at 11:57 pm / in Notícias

Amon Amarth: Johan Hegg em filme sobre vikings

O vocalista Johan Hegg da banda sueca de Death/Viking Metal, AMON AMARTH, pode finalmente desfrutar mais intensamente de sua herança viking. O frontman conseguiu o papel principal em um novo filme: “Northmen – A Viking Saga”, dirigido pelo suíço Claudio Fäh, no qual vai representar um guerreiro chamado Valli. A temática do filme abrange a cultura e a mitologia escandinava. […]

Read more ›
by / on August 4, 2013 at 11:19 pm / in Resenha, Resenha de Álbum/DVD

Amon Amarth em novo patamar

Resenha do Deceiver of the Gods – Amon Amarth – Nota: 8,5/10 Através das usuais narrativas mitológicas e fantásticas odes sangrentas, os suecos do Amon Amarth vêm guarnecendo seus álbuns com trilhas sonoras dignas de contendas viking. Seu mais novo lançamento, Deceiver of the Gods, levou todo esse plano de fundo para um novo patamar. A primeira faixa, com o título do CD, demonstra de imediato uma banda mais madura que outrora. Não estão apenas […]

Read more ›